Bruno Henrique e Gabigol concorrem a melhor jogador da Libertadores — Foto: Divulgação / Conmebol

Gabigol e Bruno Henrique estão na disputa para o melhor jogadores da Libertadores 2019. A dupla rubro-negra concorre com outros dois nomes do River Plate, adversário da final deste sábado em Lima, no Peru: os meias Ignacio “Nacho” Fernández, argentino, e De La Cruz, uruguaio. A votação é aberta ao público pelo site da patrocinadora da competição (CLIQUE AQUI PARA VOTAR), mas há um juri técnico também.

Gabigol é o artilheiro da Libertadores, com sete gols, e vive sua melhor fase na carreira. Nesse ano, o camisa 9 já estufou a rede 38 vezes em 53 jogos e virou o maior goleador do Flamengo no século XXI em uma mesma temporada. Além disso, ele ainda deu 10 assistências para os companheiros.

Se Gabigol é o artilheiro, Bruno Henrique tem sido o mais decisivo do Flamengo. O atacante fez cinco gols na Libertadores e 31 na temporada, sendo o segundo maior goleador do clube no ano e chamado de “Rei dos Clássicos” por ser algoz dos rivais. É o maior garçom do time com 15 assistências.

Uruguaio De La Cruz comemora um de seus 10 gols em 2019 — Foto: REUTERS/Jorge Adorno

“Nacho” Fernández e De La Cruz não são atacantes, mas mesmo assim são os artilheiros do River Plate na Libertadores, cada um com três gols. Os dois meias têm papel principal na equipe comandada por Gallardo e juntos já balançaram as redes 20 vezes em 2019, sendo 10 cada um.
Flamengo e River Plate decidem o título da primeira edição da Libertadores em final com jogo único e em campo neutro. Os dois times se enfrentam neste sábado, às 17h (de Brasília), no Estádio Monumental de Lima, no Peru.

GloboEsporte.com — Lima

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui